Please enable JavaScript to view the comments powered by Disqus.

Morre Ari Cunha, escritor da coluna “Visto, lido e Ouvido” do Correio Braziliense

Redação | 31 de Julho de 2018 - 12:03

 Morreu hoje (31/07) o jornalista, colunista do Correio Braziliense, Ari Cunha aos 91 anos. Ari estava em casa e sofreu falência múltipla dos órgãos devido à idade e problemas de saúde.

Ari Cunha, pioneiro, foi editor de uma das colunas diárias mais antigas de Brasília “Visto, lido e ouvido”, um arquivo rico com muitas histórias sobre a capital federal.

Atualmente, era vice-presidente institucional do Correio Braziliense, onde também mantinha um blog de mesmo nome da famosa coluna, assinado com a filha Circe Cunha e Mamfil. O Governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, decretou luto oficial de três dias.

O corpo do jornalista chegará ao Cemitério Campo da Esperança amanhã, às 9h e será velado na capela 6, até às 17h, horário programado para o enterro.